Funcionários da Prosegur são presos por furtarem R$ 350 mil da empresa

0
168

Três trabalhadores da Empresa de Segurança e Transporte de Valores Prosegur foram presos após serem denunciados pela própria empresa acusados de roubarem da empresa o valor de G$ 600.000.000.00 (Seiscentos Milhões de Guaranis), aproximadamente R$ 350.000.00 (Trezentos e Cinqüenta Mil Reais).

Curta nossa página no FACEBOOK e saiba de todas notícias de Cianorte e Região

O roubo aconteceu na cidade de Assunção, no Paraguai e momentos após serem denunciados pela empresa, os três empregados foram identificados e presos. Os presos foram identificados como sendo Isidro Rojas, Fabio Benitez e Diego Ledezma. Em poder dos empregados foram recuperados a quantia de G$ 594.000.00.00 (Quinhentos e Noventa e Quatro Milhões de Guaranis). Uma quarta pessoa identificada como sendo Hugo Crispin Peres foi apreendido, pois existem a suspeitas a sua participação no roubo.

O rateio do dinheiro roubado teria ficado assim: G$ 196.800.000.00 com o motorista do carro forte Isidro Rojas, G$ 200.000.000.00 com o responsável pelos valores  Diego Ledezma e G$ 197.900.000.00 com guarda de valores Fabio Benitez.

A denúncia aconteceu após a empresa sentir falta do dinheiro. Ao realizarem o rastreamento do dinheiro roubado, verificaram nas câmeras de segurança do carro forte de que a apropriação do dinheiro aconteceu ainda no interior do carro forte, quando o responsável pelo malote e seu segurança direto teria repassado o dinheiro para o motorista do carro forte, que por sua vez guardou o dinheiro embaixo do banco do condutor.

Os envolvidos após serem presos confessaram a participação no crime e devolveram o dinheiro roubado. Os envolvidos estão a disposição do Ministério Público.

Informações são da Vanguardia