Em rápida ação, polícia recaptura 2 foragidos da cadeia de Peabiru

0
463

A liberdade de dois foragidos da cadeia pública do município de Peabiru, distante 15 quilômetros de Campo Mourão, por volta das 20 horas dessa quinta-feira (11), durou apenas cerca de 4 horas e meia até equipes de investigadores da cidade, com apoio de policiais militares de Campo Mourão e Araruna recapturarem os fugitivos.

Curta nossa página no FACEBOOK e saiba de todas notícias de Cianorte e Região

Conforme o investigador de Polícia Civil de Peabiru, Josué Ribeiro dos Santos, os fugitivos, dois irmãos acusados da morte de William Akihiko Ogata, 43, em outubro do ano passado, foram recapturados na rodovia BR-158, enquanto se deslocavam para Campo Mourão, onde residem seus familiares. “Estávamos em uma equipe procurando por eles, já tínhamos feito buscas em vários locais em Peabiru com apoio da Polícia Militar do município, do destacamento de Araruna, e Rotam de Campo Mourão”, disse o investigador.

Josué comentou a equipe policial tinha se deslocado a Campo Mourão na busca pelos acusados, pois seus familiares residem na cidade e que no retorno a Peabiru, por volta da meia noite e meia, encontrou com os dois na rodovia, seguindo sentido Campo Mourão. “Ao visualizarmos eles, imediatamente fizemos a abordagem e os prendemos novamente”, disse. Além de Josué, no momento da prisão estavam uma investigadora da Polícia Civil de Campo Mourão e um agente de cadeia de Peabiru.

A FUGA

Os dois irmãos fugiram da cadeia de Peabiru por volta das 20h30. Para a fuga, eles quebraram o vaso sanitário da cela onde estavam e cavaram um túnel até um terreno vazio. A umidade do solo, das últimas chuvas, facilitou para a escavação. A dupla estava em uma cela separada dos demais detentos. Os dois tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça e foram também denunciados pelo Ministério Público (MP) da Comarca pela morte de Ogata.

Fonte: Tribuna do Interior