Detento descobre que colega de cela se envolveu com sua mulher e o mata

0
100

O Tribunal do Júri da comarca de Blumenau condenou um jovem a 17 anos e seis meses de reclusão, a serem cumpridos inicialmente em regime fechado. Ele foi acusado de matar por asfixia o colega de cela, dentro da Penitenciária Industrial de Blumenau, no Vale do Itajaí.

Curta nossa página no FACEBOOK e saiba de todas notícias de Cianorte e Região

O crime aconteceu há pouco mais de um ano. A sessão, realizada na última semana, foi presidida pelo juiz da 1ª Vara Criminal da comarca de Blumenau, Juliano Rafael Bogo.

Segundo consta nos autos, na noite anterior ao crime, os colegas de cela teriam conversado sobre suas vidas, ocasião em que o réu descobriu o envolvimento da vítima com sua mulher. O relacionamento teria ocorrido enquanto o agressor estava preso.

O corpo de jurados considerou o réu culpado de homicídio qualificado por uso de asfixia e por dificultar a defesa da vítima. Com 25 anos de idade, o acusado já cumpria pena e permanece recolhido na Penitenciária Industrial de Blumenau.

Fonte: CGN