Leão do Vale e Inter se enfrenta no Albino Turbai em Cianorte

0
291
Foto: Assessoria Cianorte FC

Muita coisa estará em jogo, literalmente, na noite de hoje (14), no Albino Turbay. Uma vitória por 2 a 0 contra o Inter e uma possível vitória nos pênaltis significariam feitos inéditos para o Cianorte, não só pela grandeza do adversário, mas também pelo avanço na competição e pela bolada de mais R$ 1,8 milhão. O confronto está marcado para as 19h30.

Curta nossa página no FACEBOOK e saiba de todas notícias de Cianorte e Região

Por isso, a diretoria do clube decidiu manter a segunda partida em Cianorte mesmo com um público de apenas 2,3 mil torcedores. No anúncio da decisão, o presidente Lucas Franzato reforçou a invencibilidade de dois anos e meio em casa. “A chance de passarmos para a quarta fase sem dúvida é pequena, mas entre diminuir essa chance jogando fora e aumentar essa chance jogando em casa a gente escolhe jogar em casa”, disse.

Na partida contra o Maringá, no domingo, o técnico Marcelo Caranhato contou com a volta de importantes jogadores que estavam lesionados. O meia Rafael Xavier entrou com tudo e marcou o segundo gol do jogo. Ainda assim, a equipe não poderá contar com os volantes Sidnei e Jovany, com o meia Edilson e com o atacante Eduardinho, que estão no departamento médico. O meia Maikinho será avaliado minutos antes da partida, porque sentiu dores musculares ao final do último jogo.

Depois da vitória pelo estadual, Caranhato falou sobre o confronto de logo mais. “Agora temos que trocar o discurso em relação ao desempenho no Paranaense e ver quem se encontra em condições de jogar nessa maratona que estamos passando, para podermos colocar o melhor time possível em campo.”

O técnico não poderá acompanhar a partida decisiva do banco de reservas, porque cumpre suspensão pelo cartão vermelho que recebeu no primeiro jogo, no Beira-Rio. Caranhato terá que torcer para o time de longe.

INTERNACIONAL

O time gaúcho vem de uma derrota amarga de 2 a 1 para o principal adversário, Grêmio, no final de semana e não pretende ter grande surpresas contra o Cianorte. Por isso, o técnico Odair Hellmann veio para a Capital do Vestuário com o grupo completo e deve iniciar o jogo com os titulares, mesmo com mais um Gre-Nal à vista, no próximo domingo, pelas Quartas de Final do Campeonato Gaúcho.

O lateral-direito Dudu quebrou o braço no treino de segunda-feira e não poderá estar em campo hoje. Edenilson pode ser mantido no setor. O goleiro Danilo Fernandes, que não esteve na primeira partida, continua lesionado. O lateral-esquerdo Uendel, o centroavante Leandro Damião e o atacante William Pottker também vão desfalcar o time.

O Internacional fez o último treino ontem (13) de manhã, em Porto Alegre, e chegou a Cianorte por volta das 19 horas. Hoje, os jogadores terão o dia para descansar e se acostumar com o calor de mais de 30°C da cidade.

PREMIAÇÃO MILIONÁRIA

A Copa do Brasil deste ano oferece uma premiação histórica no futebol brasileiro. O campeão levará para casa nada menos do que R$ 50 milhões, enquanto o vice ficará com R$ 20 milhões.

Com a classificação inédita para a terceira fase, o Cianorte já faturou R$ 2,3 milhões e pode ganhar mais R$ 1,8 milhão se passar pelo Inter. Para o presidente Franzato, a receita é fundamental para sustentar o clube e buscar crescimento para os próximos anos.

“O valor divulgado engana um pouco, porque é um valor bruto, sem descontos de impostos e premiações de jogadores. A folha de pagamento do Cianorte não é baixa, assim como nossas despesas. Posso dizer que o valor que recebemos até agora está longe de pagar o que tivemos de déficit nos últimos quatro anos, por isso vamos buscar nos manter na Copa do Brasil não só agora, mas também nas próximas temporadas”, afirmou.

Fonte: Tribuna de Cianorte