Brasileiro é preso pela Interpol durante jogo na Copa da Rússia

0
100

O brasileiro Rodrigo Denardi Vicentini, de 31 anos, foragido da polícia desde 2017, foi preso pela Interpol durante o jogo da Copa do Mundo de Futebol entre Brasil e Costa Rica, na última sexta-feira (22), em São Petesburgo, na Russia. O espírito patriótico falou mais alto e o fugitivo acabou se dando mal.

Curta nossa página no FACEBOOK e saiba de todas notícias de Cianorte e Região

O Consulado do Brasil na cidade confirmou a prisão e informou que Rodrigo é acusado de uma série de roubos a agências dos Correios no Espírito Santo.

Ele era considerado foragido desde 2017, quando foi para Londres com um passaporte italiano. Da capital britânica, ele foi de carro até a Rússia para assistir aos jogos da Copa. Ficará preso em São Petersburgo até que o pedido de extradição para o Brasil seja autorizado.

A quadrilha da qual Rodrigo é acusado de fazer parte rendia servidores e clientes dos Correios em Vila Velha (ES) e estima-se que R$ 230 mil tenham sido roubados.

Em agosto de 2017, uma operação da Polícia Federal em conjunto com a Delegacia de Combate a Crimes Contra o Patrimônio e Tráfico de Armas (Delepat), do Espírito Santo, havia prendido dois suspeitos, com mandados de busca e apreensão. Vários acusados estavam foragido, incluindo Rodrigo, agora detido na Rússia.

Rodrigo pode responder pelos crimes de roubo qualificado e associação criminosa armada, cujas penas somadas podem chegar a 13 anos de reclusão para cada uma das ações de que é acusado.

Fonte: Jornal Extra